6 a 5 que salvou Aécio no STF é o novo 7 a 1, diz estudo

O STF optou por entregar às raposas ao Congresso a chave do galinheiro o poder de dar a palavra final sobre decisões de medidas cautelares (punições que não prisão) contra senadores e deputados.

A peleja estava empatada em 5 a 5 quando Carmen Lúcia posicionou a bola na marca de cal, ajeitou o meião e isolou a bola do estádio. Com isso, o Senado decidirá se Aécio Neves deve ou não continuar afastado do cargo e sem o direito de sair de casa à noite. Aécio foi flagrado recebendo R$ 2 milhões dos donos da JBS.

Rumores apontam que Carmen teria investido todas suas economias em bares do bairro do Leblon, no Rio, antes de dar o voto decisivo que salvou o senador.

Segundo um estudo feito imediatamente, o 6 a 5 que salvará senadores e deputados é o novo 7 a 1 brasileiro.

Torcedores desolados que esperavam soltar o grito de vitória da democracia na porta do STF choraram a derrota enquanto ouviam o áudio do Jucá.

 

 

You may also like...